sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

67. 86ª. São Silvestre

Local: MASP - Av. Paulista - São Paulo
Data: 31/12/10 - Largada: 16h47min - Clima: 21º
Nro.: 6308 - Percurso: 15 km - Altimetria: Alta





















Relato: Bendita... amada... odiada... São Silvestre, cada corredor com seus motivos e opiniões, mas acredito que a maioria quase absoluta ao pisar na Av. Paulista deixa de lado suas críticas e se divertem. Desculpe-me, mas se assim não for, não vejo motivo para estar ali. As características desta prova requer abnegação, seja dos problemas físicos do esportista como dos organizacionais do evento. Estar ali é ter espírito esportivo, é confraternizar, é desejar Feliz Ano Novo correndo... Assim busquei estar naquela festa, não particularmente do esporte, mas da vida. Uma vida nova, de sucesso, que muitos desejam a cada virada de ano.

Confesso que não treinei a contento de um grande resultado, minha meta era até que fácil: baixar meu tempo da São Silvestre 2009 de 01:29:17. Supreendentemente e graças a ajuda do amigo-pacer Wagner Moraes da equipe 100 Juízo, que me puxou por dez fortes km's numa média de 04:40, consegui melhorar em 0:11:04. Agradeço-o pela generosidade e aproveito para dedicar este resultado ao Sr. Berto e ao Bruno Narezzi, dois corredores que se preparam para estar ali comigo, mas que por problemas de última hora, tiveram a prudência e a sabedoria de adiarem suas estréias. Também pra ficar registrado: fiquei emocionado na altura do 10km ao ser informado pela população que o nosso Marílson era TriCampeão e ainda mais feliz de estar ali fazendo parte da festa.

Acabou 2010. Um ano espetacular em muitos aspectos, no mundo esportivo-amador: estreie em maratonas na Maratona de São Paulo e três meses depois baixei meu tempo em 0:26:22 na Maratona de Assunção. Bati meus RPM's (Recordes Pessoais Mundias) em quase todas as distâncias que disputei (deixei a desejar nos 5km, num ano que não treinei velocidade e sim resistência). Me supreendi com os resultados da Meia-Maratona de SP e nesta São Silvestre com tempos MUITO melhor do que o planejado. Também tive corridas interessantes: Corri em Guará a Prova 9 de Julho com o tênis na mão rs, participei pela 1ª. vez de uma prova de revezamento V Revezamento Tabatinga, e num dia que larguei cansado e terminei num sprint absurdo, melhorei minha marca nos 10km da Unimed Run por apenas 1 segundo. Por fim, pra fechar com chave de ouro esta simples retrospectiva: a agradável comemoração do meu aniversário no mesmo dia da prova Oscar Running. Valeu meus amigos, familiares, namorada, corredores e leitores. Que venha muitos km's pela frente, os meus seguirei com mais diversão e menos metas, os de vocês desejo sucesso e realizações. Feliz 2011 !

Resultado:
01:18:13 - Pace: 05:13 min/km



Avaliação da Prova: Inevitavelmente, o foco é a premiação antecipada (entrega das medalhas) aos amadores. Uma atitude unilateral, absurda e desvinculada de qualquer espírito esportivo e motivacional pela Yescom. A princípio pensei numa forma explícita de protesto, mas imbuído do espírito natalino desisti e busquei abstrair tal descaso. Demais itens, considerando as características imensas desta (e somente desta) prova, continuo com as mesmas avaliações das edições anteriores, como ótimo. Excluindo a hidratação via isotônico que apesar da ótima idéia de distribuir em saquinhos (estilo geladinhos) deixaram acabar muito cedo e pelo fato que ao final, para hidratar, havia somente água. Pasmen ! Assim como a premiação (medalha), a hidratação (isotônico) também fora entregue antecipamente. Pergunto: Por que não entregaram tudo junto com o minguado kit lanche distribuído numa sacolinha pós-prova ? Ah, pela burrice, derrubo a nota.

Nota final: 3,5
1 - péssimo, 2 - ruim, 3 -bom, 4 - ótimo, 5 - excelente

domingo, 12 de dezembro de 2010

66. 2ª Corrida Internacional Guarulhos

Local: Av. Paulo Faccini - Bosque Maia - Guarulhos
Data: 12/12/10 - 8h15min - Clima: 30ºC Solzaço
Nro.: 1135 - Percurso: 5.250m - Altimetria: Baixa



















Relato: Primeiramente, abro espaço para parabenizar a Prefeitura e a Secretaria de Esportes de SCampos (principalmente, a Sra. Sandra), e aos organizadores das provas (particularmente, o amigo Sylvio Bittencourt da Avatar) pelo I Circuito Jossense de Corridas de Rua. Foi notório todo o empenho e dedicação: desde a concepção, o formato, a troca de idéia com os corredores, a condução do projeto, até a festa de premiação. No site do amigo-corredor Fábio Namiuti encontra-se um relato detalhado do sucesso deste projeto. Deixo também meus parabéns a todos os campeões desta edição, em especial aos amigos: Jota Jr., Vander (Mineiro), André Tanan e Zebra, este último ao meu lado na foto acima, foi o protagonista da edição 2010.

Já que em SJCampos acabou, vamos para as corridas nas cidades vizinhas. Afinal, o ano ainda não acabou e tem a São Silvestre em seu derradeiro dia. De carona na Caravana do Zebra Que Fala (uma analogia à Caravana do Peru Que Fala - parabéns Sylvio Santos pelos 80 anos rs) partimos pra Guarulhos. O sol logo estalou no céu e por ali permaneceu forte. Fato este que tirou a dúvida que perdurava em mim até então: correr mesmo a prova dos 10k (a qual estava inscrito) ou a mudar pra de 5k, devido a falta de treinos e excesso de festas. Fui pros 5k, com a certeza de ter feito a escolha certa. O sol fez toda a equipe médica local e do SAMU trabalhar pra valer e jogou pra alturas os tempos e pretensões da galera, principalmente aqueles que largaram pra correr 5km e teve que correr +/- 5.250m, pela inexatidão do percurso.

No último km quando notei a falha, juro que não fiquei com raiva, mas perdi toda aquela vontade de sprintar. Por fim, loooonga espera para a premiação. Parabéns ao Zebra, Natanael e Patrícia pelo pódio em suas respectivas categorias. Teve até sorteio pra Maratona Caixa do Rio, mas lógico que eu não ganhei. Mas valeu e muito, principalmente pela alegria e amizade dos corredores da equipe 100 Juízo neste domingo de: corrida + sol forte = baixo desempenho. Agora só a São Silvestre, espero que eu consiga treinar alguma coisa pra subir decentemente aquela Brigadeiro.

Resultado: 0:25:45 - Pace: 04:54 min/km

Avaliação da Prova: A organização Avatar promoveu uma ótima corrida, ainda mais com o forte apoio da Prefeitura de Guarulhos em comemoração dos seus 450 anos. Percurso ótimo, infra-estrutura e hidratação idem. Por R$ 25,00, custo x benefício excelente. Medalha grande e bonita (até na fita). Camiseta de tecido tecnológico. Kit pós: frutas, isotônico e barra cereal. De negativo: percurso 250m maior, atraso na largada e na premiação, e retirada do kit antecipada.

Nota final: 4,5
1 - péssimo, 2 - ruim, 3 -bom, 4 - ótimo, 5 - excelente

domingo, 5 de dezembro de 2010

65. Volks Run 10k 2010

Local: Fábrica Volkswagem - São Bernardo do Campo - SP
Data: 05/12/10 - Largada: 9h - Clima: 30ºC Sol
Nro.: 270 - Percurso: 10 km - Altimetria: Alta



Relato: Contrariando as informações iniciais da LatinSports que indicava até a data exata de cada uma das 4 etapas do Circuito Volks Run 2010 (Curitiba, São Carlos, Taubaté e São Bernado do Campo), os organizadores economizaram e neste domingo, na sede da Volkswagem do Brasil em SBCampo, a única corrida da Volks Run 2010 se realizou. Uma pena !




Partimos eu, os Narezzi's e mais dois corredores rumo a prova já com o sol quente estalando. Como num GPS, tivemos que recalcular não a rota, mas os nossos preteridos paces. Confesso que estavámos mais interessados em utilizar o dificultoso percurso como um treino pra São Silvestre e principalmente no sorteio do carro. Mais conservadores, largamos bem atrás e isto prejudicou, e muito, o tempo final. Já no 1km todo em subida enfrentamos muitos "corredores" caminhando. De resto foi tentar manter o corpo firme, utilizar nas subidas as técnicas passadas, e jamais esquecidas, pelo Jota Júnior e não esmorecer debaixo daquele calor insuportável.

Vinha mantendo o pace em 5'/km, as vezes um pouco mais, outras menos. Estava satisfeito até então, pois tinha pensado e dito que a meta era entre 51' a 53'. No último km, agora todo em descida, fui tentar o sub-50'. Mesmo ressabiado com o futuro do meu joelho, despinguelei ladeira abaixo. Fechei o km em 4:05 e por míseros 14" não consegui o sub-50. Posteriormente, passei longe do número sorteado, mas sai satisfeito diante de todo o cenário enfrentado.

Resultado: 0:50:14 - Pace: 05:01 min/km

Avaliação da Prova: Percurso MUITO difícil, um sobe-desce constante, tem que gostar de variação altimétrica ou de sofrer. Atrativo correr por alguns metros pela linha de produção. Hidratação suficiente e bem distribuída. Sinalização seria melhor se fosse suspensa. Inscrição com preço elevado, mas o custo-benefício foi bom. Kit já começa bem pela sacolinha, confeccionada dos uniformes descartados dos empregados da VW pelo Projeto Costurando o Futuro, e tinha: camiseta, boné e meia, todos da T&F. Ao final isotônico, frutas, fixador de nro. de peito como brinde, uma camiseta finisher de tecnologia termodry também da T&F e a medalha bem bacana. Desta vez não teve show musical, mas a cereja do bolo era mesmo o sorteio de um Gol Rally 0km. Não foi desta, mas ano que vem tem mais...

Nota final: 4,5
1 - péssimo, 2 - ruim, 3 -bom, 4 - ótimo, 5 - excelente